<BODY>


Nome:

Email:

Site:

Mensagem:


Digite seu e-mail no campo abaixo e receba gratuitamente as novidades do Kibe Loco!



kibeloco@kibeloco.com.br


Este é um site de ficção e fantasia.
Toda e qualquer semelhança com
fatos e/ou nomes reais é mera coincidência.


Coloque o banner do Kibe Loco
no seu site. Copie o código
abaixo no seu template:

 

11.4.07

 

VERDADES SOBRE O GOL (PARTE 3)

Os repórteres esportivos da Rede Globo adoram apelar para três recursos: trocadilhos; metáforas poéticas; e flagrantes previstos. Culpa da Escola Tino Marcos de Jornalismo Esportivo, que só não existe de fato, mas de direito, tem até Mestrado em Sacadinhas de Régis Rosing.

Quando eles não estão comparando a lua com a bola ou transformando grito de gol em verso de Camões, não se furtam em olhar para a câmera e anunciar um lance importante alguns segundos antes do mesmo acontecer, como se tivessem o divino poder de prever o futuro.

O público, apesar de intrigado, adora. E os repórteres também. Tanto que demonstram um certo prazer nisso, denunciado ora por um sorrisinho de canto de boca, ora por uma discreta levantada de sobrancelha.

É... a manobra costuma funcionar. Mas quando não dá certo...


É... não saiu, Tadeu.

Graças ao Pedro Guilherme.